Category Archives: Convidados

Outros bloguers

Pedro Lains: “Curiosidade estrangeiras”

15/04/2011
Colocado por: massamonetaria

Nota do editor: Pedro Lains, professor no ICS e bloguer, entre outros, em Pedro Lains, aceitou o convite do massa monetária e, até ao final de Abril, publicará os seus posts também nesta casa.

 

1. Segundo li num artigo de opinião do WSJ de ontem, a Grécia está a ferro e fogo. Há vilas com barricadas, há gente que destrói máquinas de pagamentos, que não paga portagens. A esquerda radical está ao rubro. E chega a haver mortes por causa dos distúrbios. O governo, ao que parece, não consegue impor as medidas necessárias para os cortes.

Pedro Lains: “Mas porquê?”

11/04/2011
Colocado por: massamonetaria

Nota do editor: Pedro Lains, professor no ICS e bloguer, entre outros, em Pedro Lains, aceitou o convite do massa monetária e, até ao final de Abril, publicará os seus posts também nesta casa.

 

Nenhuma das 47 personalidades que assinou a carta do “Expresso” aceitou?

Pedro Lains: “Ontem, hoje, amanhã”

07/04/2011
Colocado por: Rui Peres Jorge

Nota do editor: Pedro Lains, professor no ICS e bloguer, entre outros, em Pedro Lains, aceitou o convite do massa monetária e, até ao final de Abril, publicará os seus posts também nesta casa.

 

Ontem fui à TVI, hoje ao EconómicoTV, amanhã na TVI outra vez. Vale a pena? E o patrão, não diz nada? Bem, antes de mais diga-se que um bom académico deve ter como regra aceitar todos os convites a que pode ir. Quando deixar de o fazer, terei de me preocupar. Depois, nem sempre é de dia. Finalmente, aprende-se. Aprende-se porque não se pode falar sem se pensar e ao pensar a gente põe as ideias um pouco mais em ordem. E aprende-se porque se fala com pessoas que sabem de assuntos de que não sabemos e que não vêm nos livros.

 

Isto a propósito do papel dos 5 bancos

Pedro Lains: “2013”

04/04/2011
Colocado por: massamonetaria

Nota do editor: Pedro Lains, professor no ICS e bloguer, entre outros, em Pedro Lains, aceitou o convite do massa monetária e, até ao final de Abril, publicará os seus posts também nesta casa.

 

O espírito é cataclítico. Como se o amanhã fosse acabar. Pois, que não se desespere. Em 2013 a Alemanha pode mudar de rumo político e com ela a Europa. Merkel vai ficar bem na História, mas em 2013 vai sair e ainda bem. Não sairá antes, que lá na Alemanha os mandatos são para levar até ao fim, e por isso vamos ter de continuar a contrair. Entretanto, até nem é mau que haja esta sucessão de ajustamentos forçados, pois a integração financeira estava a ir longe demais para as sensibilidades políticas nacionais, através da Europa. A integração é boa mas é mau que os mercados sejam levados a dar sinais errados. Juros para Portugal iguais aos da Alemanha? Isso era mau. Teve de acabar. E alguém podia esperar mais globalização com a mesma volatilidade, isto é, com os altos e baixos dos tempos de Bretton Woods?

Pedro Lains: Não há bela sem senão

30/03/2011
Colocado por: Manuel Esteves

Nota do editor: Pedro Lains, professor no ICS e bloguer, entre outros, em Pedro Lains, aceitou o convite do massa monetária e, até ao final de Abril, publicará os seus posts também nesta casa.

 

O Banco de Portugal previu uma contracção do PIB para 2011 de 1,4%. É isso, não é? Espero que agora finalmente as pessoas na rua percebam – e que os comentadores conhecedores digam – que a alternativa não era entre défice, dívida e juros altos e não défice, não dívida e juros simpáticos; mas sim entre défice, dívida, juros altos e recessão fraca e não défice, não dívida, juros simpáticos e recessão forte.