— ler mais..

Foto LUÍS VIEIRA/Record Luís Filipe Vieira deu “show” na cerimónia de tomada de posse de Fernando Gomes como presidente da Liga. O presidente do Benfica quis sentar-se na bancada de Im..." /> — ler mais..

Foto LUÍS VIEIRA/Record Luís Filipe Vieira deu “show” na cerimónia de tomada de posse de Fernando Gomes como presidente da Liga. O presidente do Benfica quis sentar-se na bancada de Im..." /> FACAS NA LIGA - Bola na Área - Record

Bola na Área

Voltar ao blog

FACAS NA LIGA

8 Junho, 2010 727 visualizações

Foto LUÍS VIEIRA/Record

Luís Filipe Vieira deu “show” na cerimónia de tomada de posse de Fernando Gomes como presidente da Liga. O presidente do Benfica quis sentar-se na bancada de Imprensa, nas filas de trás, e fico com Joaquim Oliveira à sua esquerda e com Aprígio Santos à sua direita. Eu fiquei na fila de trás, ao lado de Paulo Gonçalves, e do meu antigo chefe Manuel Luís Mendes. Por isso, quando Vítor Pereira entrou no auditório João Aranha assisti de palanque ao cumprimento entre o presidente do SLB (cumprimento, bem, terá sido mais uma vénia) ao presidente da Comissão de Arbitragem da Liga, que, afinal, só teve menos dois votos que Fernando Gomes.

Mais à frente sentou-se a nova Comissão Disciplinar da Liga, que irá ser comandada pelo juiz jubilano Herculano Lima. Se bem estão recordados, Herculano Lima foi presidente do Conselho de Justiça da FPF, tendo-se demitido em Janeiro de 2008 por discordar do castigo imposto a Valentim Loureiro a propósito de declarações ofensivas sobre Pedro Mourão e Francisco Cebola, antigos membros da Comissão Disciplinar da Liga. Herculano Lima votou vencido considerando que a decisão “fez apelo a elementos estranhos”. O juiz entendia que o major devia ser castigado com uma pena superior a 100 dias, o que o iria impedir de exercer qualquer cargo desportivo, no caso presidente da Assembleia Geral da Liga de Clubes. Herculano Lima viria mesmo a publicar a sua declaração de voto n' “A Bola”…

Herculano Lima daria também uma entrevista à revista “Viva”, que circulo no Grande Porto, cujos excertos foram divulgados, em primeira mão, pelo blogue O INFERNO DA LUZ. Nessa entrevista, disse não conhecer profundamente o processo Apito Dourado mas “pela minha longa experiência judiciária, tenho a convicção que a montanha vai parir um rato”.

Curiosamente, a saída de Herculano Lima permitiu a ascensão de vice-presidente a presidente do CJ da FPF do advogado gondomarense Gonçalves Pereira. O resto da história penso que todos podem recordar melhor pois Gonçalves Pereira foi o tal que abandonou uma reunião do CJ da FPF que acabou com castigos para o Boavista, FC Porto, U. Leiria, Pinto da Costa, João Loureiro e João Bartolomeu…